INATEL PRIMAVERA - LUSO 28ABR a 03MAI.24





28 ABR a 03 MAI 24 | 6 dias
Partidas:

BRAGA | GUIMARÃES | VIZELA | PORTO

380€
Preço desde

Itinerário Download PDF


Situado no sopé da serra do Bussaco, o Luso tira partido da excelência das águas oriundas do lençol do Bussaco, refúgio de monges e reis, a Mata do Buçaco deslumbra pela sua verdura e pela variedade de espécies botânicas que guarda. A fonte de São João, localizada na zona nobre da vila, é um ponto de paragem obrigatório, seja para beber água, seja para apreciar os azulejos que a rodeiam. E é neste cenário exuberante que o INATEL Luso se assume como unidade turística de referência na zona Centro, onde o majestoso edifício coloca ao dispor espaços interiores amplos que beneficiam de uma vista deslumbrante sobre a floresta.
 
1º DIA – CIDADES DE ORIGEM | LUSO
Saída com destino ao Luso. Refeições livres em circuito. Chegada ao hotel para jantar. Reunião de boas-vindas e apresentação do programa e da região. Alojamento.
 
2º DIA – LUSO | MATA DO BUSSACO | LUSO | COIMBRA | LUSO
Saída em autocarro até à Mata do Bussaco (ingresso incluído). Passeio pedonal (Aconselha-se roupa e calçado adequado para o circuito na Mata do Bussaco). Este local constitui um património de valor incalculável, único em Portugal e no mundo. Atualmente ocupa 105 hectares e possui uma das melhores coleções dendrológicas da Europa, com cerca de 250 espécies de árvores e arbustos com exemplares notáveis. Circuito pedonal com passagem pelo Palace Hotel do Bussaco, Convento de Santa Cruz do Bussaco (ingresso não incluído) até às Portas de Coimbra. Tempo livre. Regresso ao hotel para almoço. Saída para Coimbra. Visita guiada ao Seminário Maior. Este é um lugar onde a Cultura e Espiritualidade dialogam com a cidade. Na alta de Coimbra, junto ao Jardim Botânico, encontramos uma das mais impressionantes presenças da arte italiana em Portugal, com mais de 250 anos. Um lugar inesperado de rara beleza que merece a sua visita. Continuação de circuito com paragem no largo da portagem. Passeio pedonal na cidade até à Igreja de Santa Cruz, Panteão Nacional onde se encontra sepultado D. Afonso Henriques. Paragem no Café Santa Cruz. Este é um espaço de reconhecido valor histórico e arquitetónico no coração da cidade de Coimbra. Ponto de encontros, local de tertúlias e debates, palco de artes e animação, a história do Café Santa Cruz acompanha a história da cidade. O reconhecido valor arquitetónico e histórico, aliado ao envolvimento na preservação das tradições da cidade, fazem do Café Santa Cruz um ícone histórico de Coimbra e será aqui servido um lanche composto por um doce conventual e um crúzio para terminar a tarde. Tempo livre. Regresso ao hotel. Jantar. Noite livre e alojamento.
 
3º DIA – LUSO | CANTANHEDE | LUSO | CURIA | LUSO
Saída para Cantanhede. Este é o maior concelho do distrito de Coimbra. Dividido entre duas regiões naturais, a cidade tem para oferecer a quem a visita um universo inesgotável de possibilidades, quer seja no contacto com a natureza quer nos circuitos pelo património edificado da cidade. Visita guiada ao Museu da Pedra e ao seu acervo diversificado, com coleções em vários âmbitos: arqueologia, paleontologia, geologia, ferramentas e peças artísticas. Regresso ao hotel para almoço. Saída para Curia. Visita ao Espaço Bairrada da Curia. Criada em 2006, a Associação Rota da Bairrada, é uma associação de carácter regional, que tem como objetivo a dinamização, promoção e valorização da atividade vitivinícola da Bairrada, e atividades afins, enquanto produtos turísticos e culturais da região. Após visita degustação dos Amores da Curia (pastéis estaladiços, com uma finíssima base de massa folhada, recheados com ovos-moles e polvilhados com açúcar em pó, o que lhes confere um sabor e aparência inesquecíveis) e flute de espumante. Continuação de circuito com passeio no parque termal da Curia. Para além do seu património arquitetónico que reflete o esplendor dos anos 20, é único na sua envolvência natural, com uma área verde de 14 hectares de árvores centenárias e com um lago artificial de 1 km de perímetro. O Parque da Curia está classificado pela Associação Portuguesa de Jardins Históricos, é totalmente plano e convida a passeios fantásticos em pleno contato com a natureza. Tempo livre. Regresso ao hotel para jantar. Noite com música ao vivo. Alojamento.
 
4º DIA – LUSO | CANTANHEDE| LUSO | BARRA | COSTA NOVA | AVEIRO | LUSO
Saída para Cantanhede. Neste segundo passeio a Cantanhede dedicamos a manhã à visita do Museu Load. Este espaço é dedicado ao ZX Spectrum, que foi para muitos portugueses o seu primeiro computador pessoal. O museu inclui igualmente muitos outros equipamentos relacionados com este tema, em estado funcional e devidamente documentados, de modo a poderem ser desfrutados pelos visitantes. Apresentamos-lhe a história desta maravilha tecnológica que contribuiu de forma decisiva para introduzir tantos de nós na tecnologia, e incentivar muitos a prosseguir uma carreira profissional na área. Compreenda o decisivo papel deste dispositivo e de tudo o que rodeia, na revolução tecnológica que nos colocou os telemóveis no bolso, e descubra o importante papel desempenhado por Portugal na fábrica da TIMEX, neste fenómeno iniciado nos anos 80. Regresso ao hotel para almoço. Após almoço, saída para visita a Aveiro. Efetuamos a primeira paragem no Farol da Barra. Situado na praia com o mesmo nome, é um dos ex-líbris do Município de Ílhavo, após uma subida de 288 degraus, deparar-se-á com uma das melhores paisagens costeiras do País. À data da sua construção foi o sexto maior do mundo, em alvenaria de pedra, continuando a ser atualmente o segundo maior da Europa, sendo considerado o 26.º mais alto do mundo. Continuação com paragem na Costa Nova. Tempo livre. Paragem em Aveiro com passeio pedonal pela cidade. Tempo livre. Regresso ao hotel para jantar. Noite livre. Alojamento.
 
5º DIA – LUSO | VISEU | LUSO
Saída para passeio pedonal no Luso. Tempo livre. Regresso ao hotel para almoço. Saída para Viseu. Visita guiada ao Tesouro da Sé Catedral de Viseu e Museu. Entre na Catedral de Viseu e desfrute de um monumento com séculos de história, que constitui um repositório de arte de vários períodos e sinta um espaço vivo de fé. Uma visita que só fica completa com o percurso pelo Museu onde pode fruir de espaços com interesse arquitetónico: coro-alto (séc. XVI), claustro superior (séc. XVIII), sala do cabido (séc. XVIII), passeio dos cónegos (séc. XVIII); exposição do Tesouro da Catedral: esculturas, pinturas, relicários, paramentos, ourivesaria, mobiliário; vista panorâmica sobre a cidade numa abrangência urbana e natural. A coleção exposta integra peças de particular valor artístico, de diversas tipologias e períodos, que vão desde o século XII até ao século XX. Após visita circuito pela cidade. Tempo livre. Regresso ao hotel. Jantar. Noite de música ao vivo. Alojamento.
 
6º DIA – LUSO | CIDADES DE ORIGEM
Regresso com refeições livres em circuito.
 
Nota: Programa sujeito a alterações. 
Mínimo de 36 participantes.

 

Inclui


  • 6 dias/ 5 noites de alojamento no INATEL Luso;
  • refeições na unidade hoteleira: 4 almoços e 5 jantares sem bebidas incluídas;
  • 8 passeios turísticos, conforme itinerário;
  • 2 animações musicais ao vivo;
  • transporte em autocarro;
  • assistente acompanhante;
  • seguro de viagem.

 

Não inclui


  • refeições durantes os transferes;
  • bebidas às refeições;
  • transporte aéreo com origem nas ilhas;
  • taxa de reserva (10€);
  • quaisquer serviços não mencionados.
 

Locais partida


BRAGA | GUIMARÃES | VIZELA | PORTO

Condições Gerais


RESUMO:

A combinação de serviços de viagem que lhe é proposta constitui uma viagem organizada nos termos do Decreto-Lei nº 17/2018, de 08 de março. A inscrição em qualquer destas viagens implica a adesão total às condições abaixo mencionadas. 

ORGANIZAÇÃO
A organização das viagens é da INATEL Turismo (marca registada da Fundação INATEL), com sede na Calçada de Sant’Ana, n. º180, Lisboa, contribuinte fiscal no 500 122 237, RNAVT nº 2954.
 
RESPONSABILIDADE 
A Fundação INATEL é responsável pela correta execução de todos os serviços incluídos no contrato de viagem. Nas viagens organizadas, a INATEL é responsável perante os participantes, ainda que os serviços sejam executados por terceiros, e sem prejuízo do direito de regresso, nos termos gerais aplicáveis. A INATEL não é responsável por erros na reserva que sejam imputáveis ao participante ou que sejam causados por circunstâncias inevitáveis e excecionais. É da exclusiva responsabilidade dos participantes a correta informação e a verificação dos nomes constantes na reserva, os quais deverão corresponder aos documentos de identificação, bem como a conferência dos documentos da viagem. 
 
SEGURO
Os participantes nas viagens organizadas pela Fundação INATEL encontram-se garantidos por seguro de responsabilidade civil, nos termos da legislação em vigor. Adicionalmente, os participantes estão cobertos por um seguro de acidentes pessoais, de acordo com as condições da respetiva apólice. Consulte as garantias de proteção previstas na sua viagem. No ato de inscrição o participante pode solicitar o alargamento da cobertura do seu seguro de viagem para riscos extra e adicionais que considere relevantes (cancelamento de viagem; perda ou extravio de bagagem, e outros), suportando os encargos correspondentes. 
 
PAGAMENTOS | TAXA DE RESERVA
Todas as reservas apenas serão consideradas efetivas após a sinalização ou liquidação dentro dos prazos estabelecidos. 
• No ato da inscrição deverá ser pago 25% do valor total da viagem acrescido da taxa de serviço de reserva no valor de 10€, e o restante pagamento, 30 dias antes da data de partida. 
• Portal de viagens INATEL – Todas as reservas efetuadas no portal estão isentas da taxa de serviço de reserva, obrigando a uma sinalização de 40% do total da viagem no ato da reserva e ao pagamento total 60 dias antes. 
A INATEL reserva-se o direito de anular qualquer inscrição cujo pagamento não esteja em conformidade com o exposto ou quando existam razões justificadas.
 
ALTERAÇÕES
Todas as alterações às reservas confirmadas inicialmente, (retificação de nomes, datas, tipo de alojamento, viagem ou outra), implicam uma taxa de alteração de reserva de 10 €, acrescida dos encargos que a alteração origine junto dos fornecedores.
 
DESPESAS DE CANCELAMENTO
O participante pode rescindir o contrato da viagem, a todo o tempo, antes do início da viagem, assumindo a responsabilidade pelo pagamento da taxa de rescisão, estabelecida no contrato ou na ausência desta informação, o pagamento do preço da viagem, deduzido dos encargos resultantes da anulação ou reafectação dos serviços da viagem. Quando seja caso disso, o participante será reembolsado pela diferença entre a quantia paga, deduzida da taxa de rescisão e todos os encargos, devidamente justificados. A Fundação efetuará todas as diligências possíveis para minimizar os custos de cancelamento, nomeadamente os causados por doença. 
 
CONDIÇÕES DE CANCELAMENTO DE RESERVA 
- Até 30 dias antes da data da partida: €10 (taxa de reserva);
- Entre 29 e 15 dias antes da data da partida: 10% do valor por pessoa
- Entre 14 e 5 dias antes data da partida: 15%
- Até 4 dias antes, incluindo a não comparência: perda total, deduzido de possíveis custos reembolsáveis;
 
DOCUMENTAÇÃO
Os participantes deverão possuir toda a sua documentação pessoal regularizada (B.I., cartão de cidadão ou passaporte, com validade mínima exigida, alguns países exigem passaportes com validade mínima de 6 meses, autorizações para menores, vistos de entrada, certificados de vacinas ou outros exigidos). Cédulas ou assentos de nascimento não são válidas como documento de viagem. A INATEL declina qualquer responsabilidade pelo impedimento de participação na viagem por apresentação de documentos inválidos ou esquecimento, bem como outras razões de ordem particular, sendo por conta do participante qualquer gasto que daqui possa decorrer. Em viagens na UE, para obtenção de assistência médica, cada participante deverá ser portador do Cartão Europeu de Seguro de Doença. Os nacionais de países estrangeiros devem consultar informação especifica quanto à documentação necessária para a realização da viagem junto das embaixadas/consulados dos países de origem.  
 
PREÇO
Os preços mencionados são válidos para associados INATEL. Para não associados, acresce uma taxa de 20 € por pessoa.
 
ALTERAÇÃO AO PREÇO
Os preços constantes do programa, incluindo taxas de aeroporto e portuárias, estão baseados nos custos dos serviços e câmbios vigentes à data de impressão, pelo que estão sujeitos a alterações nos termos legais (aumento ou redução de preço) que resultem de variações no custo dos transportes ou do combustível, impostos, taxas e flutuações cambiais, até 20 dias antes da data da viagem. 
 
OUTRAS CONDIÇÕES
• Passagens aéreas: após emitidas, não são passíveis de alteração e reembolso;
• Os horários de voos estão sujeitos a reconfirmação. É da responsabilidade do cliente a verificação dos horários da sua viagem;
• A ordem do percurso do programa pode ser alterada e qualquer dos hotéis previstos pode ser substituído por outro de categoria similar. A categoria dos hotéis mencionada é determinada pela legislação do país de acolhimento;
• Os preços constantes dos programas estão sujeitos a alterações de acordo com a lei. Sempre que se verifique uma alteração ao preço, o participante será imediatamente informado e convidado a, dentro do prazo que lhe for fixado, aceitar o aumento verificado ou anular a sua inscrição;
• Caso não seja atingido o número mínimo de participantes exigido, a Fundação INATEL, poderá cancelar a viagem, nos termos da lei, notificando o participante, com pelo menos, 48 horas, 7 ou 20 dias de antecedência, dependendo da duração da viagem;
• Horários e Nº de Lugar: é da exclusiva responsabilidade dos participantes a falta de pontualidade a todas as horas de partida; os horários indicados nos programas são aproximados, ressalvando-se quaisquer atrasos por motivos alheios; A numeração atribuída no recibo entregue ao participante poderá não se revestir de carácter fixo, podendo existir rotatividade de lugares;
• O tratamento dos dados pessoais dos clientes é realizado no estrito cumprimento da legislação de proteção de dados pessoais nos termos da lei. Para mais informação consultar o portal INATEL www.inatel.pt sobre politica de privacidade.
 
• Nos termos da Lei n.º 144/2015 de 8 de setembro, informamos que o cliente poderá recorrer às seguintes Entidades de Resolução Alternativa de Litígios de Consumo:
a) Provedor da Fundação INATEL;
b) Comissão Arbitral do Turismo de Portugal em www.turismodeportugal.pt;
c) Ou a qualquer uma das entidades devidamente indicadas na lista disponibilizada pela Direção Geral do Consumidor em http://www.consumidor.pt.
 
O presente resumo de condições gerais não dispensa a leitura atenta das condições gerais na íntegra, mencionados na brochura INATEL e Portal de Viagens.
 
Para outras informações, consultar as Condições Gerais INATEL e/ou o programa detalhado da viagem.